quinta-feira, 25 de março de 2010

Efeito Doppler

O efeito Doppler é a alteração aparente na freqüência percebida do som que ocorre quando uma fonte sonora ou seu receptor estão se movendo. O nome é uma referência ao físico austríaco Christian Johann Doppler que o estudou e o descreveu.

Um exemplo bem comum sobre este efeito é a sirene ligada de uma ambulância, quando esta se aproxima ou se afasta de um observador. Quando próxima, o som é mais agudo, e quando se afasta o som é mais grave. Esse é um fenômeno característico de qualquer propagação ondulatória, e é muito mais presente no cotidiano do que pensamos.

Utiliza-se o Efeito Doppler para medir a velocidade de objetos através de ondas que são emitidas por aparelhos baseados em radiofreqüência ou lasers (como os radares). Na astronomia esse fenômeno é utilizado para medir a velocidade relativa das estrelas e outros objetos celestes em relação ao planeta Terra. E na medicina é utilizado nos exames de ecocardiograma para medir a direção e a velocidade do fluxo sanguíneo ou do tecido cardíaco.

Além disto, o Efeito Doppler não ocorre somente com o som. É um fenômeno característico de propagações ondulatórias, sendo possível observar esse fenômeno com qualquer tipo de onda. Podemos observá-lo também com a luz. Neste caso o fenômeno se manifesta na mudança de cor que é percebida pelo observador. Um exemplo disto seria a aproximação do sinal vermelho. Quando o observador estiver parado a coloração vermelha será mais intensa, porque a freqüência de onda luminosa é maior do que quando este indivíduo estiver observando em movimento.

Para finalizar, sabe-se que o Efeito Doppler é de extrema importância para a comunicação a partir de objetos em rápido movimento, como no caso dos satélites.

A fórmula do Efeito Doppler é dada por:


Onde:

Fo = Frequência que o observador escuta

Ff = Frequência real da fonte

V = Velocidade da onda

Vo = Velocidade do observador (positiva ao se aproximar da fonte, negativa ao se afastar)

Vf = Velocidade da fonte (positiva ao se afastar, negativa ao se aproximar do observador)

Referências:

http://pt.wikipedia.org/wiki/Efeito_Doppler

http://www.infoescola.com/fisica/efeito-doppler/

http://www.dmu.uem.br/aulas/tecnologia/TutorialAcustica_Iazzetta/acustica/doppler/doppler.html

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Postar um comentário